sexta-feira, abril 30, 2010

Brinde a vós!



Esta é a minha música hoje.
Um "brinde a nós, brinde aos avós, que se houver céu não estão lá sós. Brinde a vós, e já sem voz, brinde a quem aí vier".

Amanhã casam duas das pessoas mais fabulosas que já conheci. Fabulosas individualmente, mais fabulosas em conjunto.

Duas pessoas como eu gostaria um dia de ser. Felizes, plenas, absurdas. As horas preciosas que passamos juntos são das melhores que passei na Universidade e há até registos de vídeo a testemunhar as gargalhadas e os bons bocados.

Sinto-me privilegiada, verdadeiramente. É uma honra poder partilhar este momento com eles.

Durante muito não lidava bem com o ser a amiga que está poucas vezes, que aparece de vez em quando, nunca estando completamente dentro nem fora do núcleo duro de uma série de gente.

No último casamento uma amiga brindou a mim dizendo "à Helena, que mesmo nas ausências está presente" e fiquei mais em paz comigo mesma. Eu não saberia ser de outra forma por muito que gostasse. Sou assim, e nada há a fazer. Procuro estar presente nos momentos importantes e nos momentos difíceis, mas não sei estar na tranquilidade. Paciência.

Mas amanhã será seguramente um grande dia, para agarrar, abraçar e viver até os olhos não se aguentarem abertos. E vou chorar de emoção, chorar de alegria, chorar um pouco os momentos e que gostaria de ter estado e não estive, chorando certamente também pelo privilégio de poder sentir que aqueles dois fazem bem parte de mim e me tornam uma pessoa melhor.

Aos noivos.

3 comentários:

Loopy disse...

E não é que chorei mesmo? 2/3 da maquilhagem fora logo na cewrimónia, nem sei pq me dei ao trabalho de me pintar de manhã... :))

eternal sunshine disse...

(reconheci-me em partes do texto - aposto que sabes quais) love you**

Maria disse...

Um brinde a todos nós, porque mesmo não estando fisicamente presentes todos os dias... podem passar semanas, meses, anos e continuamos iguais!! Sempre com o mesmo brilho, com a mesma inocencia, com a mesma vontade de partilhar! Sempre IDIOTAS! Um brinde à cumplicidade e à amizade... e ao combíbio!! :)